Frontend: HTML, CSS, Javascript

Neste screencast, convido o leitor a entender o que é o preprocessador de CSS SASS, bem como o Compass, que extende as funcionalidades de SASS a ponto de causar inveja em outros preprocessadores, como o LESS. Em 7 minutos e 20 segundos, verá, ainda que de forma rápida, como criar um projeto Compass, compila-lo por linha de comando no windows, uso de variáveis em SASS, aninhamento de definições, uso do @extend e afins.

Leia mais:Screencast: visão geral sobre SASS e Compass

SMACSS (Scalable and Modular Architecture for CSS) é um guia de estilo de como escrever código CSS. Rege em especial padrões de como dar nomes as suas classes além de como agrupá-las. Neste screencast, dou uma visão geral de como esta metodologia é.

Leia mais:Screencast: visão geral de SMACSS

Este artigo contém um screencast de 43min58s sobre um projeto com SASS, Compass e SMACSS (Scalable and Modular Architecture for CSS) em projeto HTML responsivo. Recomendo tanto para quem quer fazer seu próprio framework frontend, como para aqueles que querem compreender melhor frameworks existentes em vez de "só sair usando".

Leia mais:Screencast: SASS, Compass e SMACSS em projeto HTML responsivo

Você é desenvolvedor web, e vive reclamando que o seu firefox está lento? Bem, o convite que faço nesse vídeo pode ser a solução dos seus problemas: abandonar o Firebug. Isso pode parecer loucura abandonar o agora o addon "old school", e que literalmente serviu de padrão para construção de outros inspetores de código em navegadores, mas, em uma época em que sites fazem um uso mais intenso de Javascript, justamente durante o desenvolvimento em que você leva isso ao limite, usar uma ferramenta não eficiente pode, sim, forçar uma parada inesperada ou lentidão nele. E a resposta é simples: o Firebug faz o que faz através de rotinas em javascript, que nem de perto são tão otimizadas quando você teria em inspetores de outros navegadores e até mesmo do inspetor nativo do Firefox.

Segue abaixo o vídeo em que abordo o tema. Leia mais:Firefox 14 comparado ao Aurora 15 e o novo Responsive Design View